terça-feira, novembro 16, 2004

Há Gajos que Merecem!

Voltando do escritório, o meu ex-namorado yuppie (para quem não sabe, yuppies são aqueles gajos metrossexuais que conduzem mercedes, vestem fatos da Hugo Boss, calçam sapatos italianos, praticam squash, andam com malas sapsonite e ganham muito dinheiro em empresas de renome internacional), chegou a minha casa, e depois de estacionar o mercedes e entrar em casa...
Choca-se ao encontrar-me...
Eu estava na cama com um gajo... Lindooooooo, louro de olhos azuis... Parecia o falecido Kurt Cobain...
Quando ele já tinha ‘armado a puta’ e estava pronto para foder as trombas ao gajo e à Eu, a Eu pegou numa Beretta 9mm apontou-lha e disse-lhe no seu mais puro estilo tarantinesco:

-Antes de te armares em bom, cabrão do caralho, devias ouvir como tudo aconteceu...

O meu ex-namorado como não tinha escolha, com uma arma apontada aos seus (muito literáis) cornos, pousou o bastão de basebol Louisvilleslugger, sentou o cu numa cadeira e ouviu tudo que vou agora citar...
“Eu estava a regressar a casa da faculdade quando vi este jovem, que parecia cansado e faminto, além de maltrapilho...

Então a Eu trouxe-o cá para casa e preparei-lhe uns ovos mexidos com arroz e salsichas...
Sabes, aquela refeição que te estás sempre a queixar que é a única que sei fazer... Bem.

Depois, dei-lhe também o bolo de chocolate que tinha feito com amor e carinho para ti e que tu deixaste no frigorífico a apodrecer, porque dizes que te faz engordar e depois não cabes nos fatos da Hugo Boss que tanto adoras comprar...

Ele estava descalcinho, então eu dei-lhe o teu par de sapatilhas Nike que ainda estavam em bom estado, mas que tu puseste de lado porque não tinham câmaras-de-ar e amortecedores e não-sei-o-que-mais...

Ele estava com frio, então eu dei-lhe aquela camisola de lã fofinha em tons de cinza e preto que eu própria fiz, tricotando-a para ti e te te ofereci no teu aniversario, mas que tu nunca usáste, porque não era de marca...

As calças dele estavam rasgadas e rotas... Então eu dei-lhe aqueles jeans que ainda estavam em óptimo estado, mas que te ficavam largos como o raio porque desde que te enfiáste lá no ginásio... Não só emagreceste como raio, como não tens tempo para mais nada a não ser trabalhar e treinar...
Ele perguntou se podia tomar banho antes de vestir aquelas roupas lindas que a Eu lhe tinha dado... Comovida, a Eu disse que sim...
Depois do banho eu dei-lhe também aquele perfume do Jean Paul Gaultier com um frasco em formato de um tronco masculino, que eu te ofereci no Natal mas que tu também nunca usáste, apesar de eu te dizer que o cheiro me enlouquecia...

Ele pôs o perfume e ficava-lhe mesmo MESMO bem...

Depois o homem, sorriu de felicidade, beijou-me as mãos com ternura, agradeceu a minha bondade e quando estava prestes a ir embora... Lembrou-se de perguntar, humildemente:
"Há mais alguma coisa que o seu namorado não use mais?"
E foi assim que tudo comecou ... ;)"

2 Comments:

Anonymous Anónimo disse...

E foi assim.....que ganhei umas sapatilhas nike, uma camisola de lã bem fofinha, uns jeans novinhos,.....e ainda dei uma valente foda!!!!

ass:Rouxinol

11:45 da tarde  
Blogger Wodewick disse...

"Oh, I'm sorry. Did I break your concentration? You were saying something about "best intentions". Oh, you were finished. Well allow me to retort."

Não se adapta a 100% mas sempre gostei desta parte.

6:46 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Demand Panic! At The Disco with Eventful! Discover and Create Events at Eventful Learn More about Eventful Demand

"It's an insane world and I'm proud to be a part of it. - Bill Hicks"